Views
1 year ago

Programa 18º Congresso das Comunicações - As TIC e as Alterações Climáticas

  • Text
  • Brochura
  • Mercado
  • Lisboa
  • Ainda
  • Engenharia
  • Empresas
  • Empresa
  • Desenvolvimento
  • Presidente
  • Universidade
  • Portugal
Congresso APDC 2008

Patrocinadores Gold

Patrocinadores Gold Congresso Com mais de um século de actividade, a Efacec é o maior Grupo Eléctrico Nacional de capitais portugueses. Com mais de 3.500 colaboradores, a Efacec está presente em mais de 65 países e exporta cerca de 60% da sua produção. Em 2008 a empresa facturará cerca de 600M€. Designação Social: Efacec Morada: Apartado 1018 · 4466-952 S. Mamede de Infesta · Portugal Telefone: +351 22 956 23 00 Fax: +351 22 956 89 40 Email: sgps@efacec.pt Site: www.efacec.pt Perspectivando um crescimento sustentado do volume de negócios a uma escala internacional e em concorrência directa com outros players mundiais nos seus sectores de actividade, a Efacec desenvolveu um plano estratégico para o período 2008-2012 com o objectivo de reposicionar e potenciar as suas propostas de valor nas operações internacionais. Para corporizar essa mudança, a Efacec desenvolveu um novo modelo organizacional implementado em 2007, desenhado para responder aos desafios da internacionalização. Nesse sentido, focou a sua actividade em dez Unidades de Negócio, responsáveis pelo desenvolvimento global da actividade respectiva: Transformadores; Aparelhagem de Média Tensão; Servicing de Energia; Engenharia; Automação; Manutenção; Ambiente; Renováveis; Transportes; e Logística. Por outro lado, mantendo um inequívoco interesse no mercado nacional, a Efacec desenvolveu em simultâneo uma nova abordagem no mercado internacional, ao focar a sua actividade em sete regiões consideradas mercados prioritários, onde pretende replicar as suas Unidades de Negócio: Estados Unidos da América; América Latina (Brasil, Argentina e Chile); Europa Central (Roménia, Bulgária, República Checa, Eslováquia e Hungria); Magrebe (Argélia, Marrocos e Tunísia); África Austral (Angola, África do Sul e Moçambique); Índia e Espanha. Existem ainda condições de mercado para que quatro dos seus dez negócios (Transformadores, Transportes, Automação e Média Tensão) sejam replicados

Patrocinadores Gerais APDC A Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) regula e supervisiona os sectores das comunicações electrónicas e dos serviços postais em Portugal, assegurando a representação nacional nos diversos fora internacionais relevantes. Designação Social: Autoridade Nacional de Comunicações (ANACOM) Morada: Av. José Malhoa, n.º 12, 1099-017 Lisboa Telefone: +351 21 7 21 1 000 Fax: +351 21 7 21 1 001 Email: info@anacom.pt É uma entidade dedicada a promover a livre concorrência, a transparência nos preços e nas condições de utilização dos serviços, bem como o desenvolvimento dos mercados e das redes de comunicações. Com vista a defender os interesses dos cidadãos, particularmente dos utilizadores de comunicações, assegura a regulação e a supervisão dos mercados, bem como o acesso ao serviço universal, tanto nas comunicações electrónicas como nos serviços postais.Tudo para garantir a fluidez das comunicações. No mercado. Junto dos consumidores. Site: www.anacom.pt Designação Social: CTT Correios de Portugal, S.A. Morada: Rua de São José n.º 20 , 166-001 Lisboa Telefone: Linha CTT – 707 26 26 26 Email: informacao@ctt.pt Site: www.ctt.pt Os CTT – Correios de Portugal são uma poderosa plataforma multiserviços, visando a satisfação das necessidades dos cidadãos e dos agentes económicos, através de uma rede comercial e logística de elevada qualidade, eficiência e proximidade ao cliente. São um elemento essencial do desenvolvimento social e económico do país, contribuindo para a melhoria dos padrões de qualidade de vida e conforto dos clientes e dos trabalhadores, mercê de uma dinâmica, de uma cultura de serviço e de um sentido de responsabilidade social e ambiental irrepreensíveis. Os CTT – Correios de Portugal têm por missão o estabelecimento de ligações físicas e electrónicas, entre os Cidadãos, a Administração Pública, as Empresas e as Organizações Sociais em geral. A sua tradição postal é progressivamente reforçada e alargada às actividades e áreas de negócio, onde a vocação logística e comunicacional da Empresa possa ser eficientemente colocada ao serviço dos Clientes. No mercado doméstico, os CTT têm por vocação a liderança em todas as áreas de negócio onde estão ou venham a estar presentes. No quadro internacional, a Empresa desenvolve uma política de parcerias ou aquisições relacionadas, estabelecendo ou intensificando a sua presença em mercados externos relevantes, por forma a assegurar uma crescente valorização do capital accionista. Desta forma, os CTT englobam actualmente um grupo de empresas, interligando-se e complementando-se, de forma a responder de modo eficiente às necessidades dos cidadãos e das empresas, actuando em diversas áreas de negócio: - No mercado das comunicações, onde se situa o seu “core business”. - Na publicidade, apresentando-se como meio alternativo para divulgar, promover e vender produtos e serviços. - Na logística, apresentando soluções integradas e completas, tanto na produção e tratamento de correio, como no transporte e entrega de mercadorias. - Na produção e gestão de documentos (incorporando a digitalização e arquivo, o finishing ou actividades de concepção gráfica) e no correio híbrido (recorrendo às mais modernas tecnologias de informação). - No mercado financeiro através de alargada oferta de produtos e serviços. - No mercado digital, disponibilizando a ViaCTT e o meuselo, entre outros. - No mercado das telecomunicações móveis, com a 1ª operadora móvel virtual no mercado nacional, actuando com uma marca própria e oferta diferenciada, com estrutura independente de serviços.

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt