COMUNICAÇÕES 237 - Que Portugal Digital Queremos Construir? (2020/2021)

  • Outsourcing
  • Eanes
  • Hubs
  • Residency
  • Upskill
  • Digital
  • Digital
  • Remoto
  • Minsait
  • Huertas
  • Salesforce
  • Braz
  • Ainda
  • Digitais
  • Futuro
  • Clientes
  • Forma
  • Pandemia
  • Portugal
  • Empresas
APDC 237 - Que Portugal Digital Queremos Construir? Janeiro 2021

a abrir sound bites :-b

a abrir sound bites :-b “Se 2020 foi o ano de todas as incertezas, 2021 promete ser o ano de todos os perigos, mas também o ano em que Portugal, para sobreviver e avançar, terá que mostrar a sua marca ao mundo, deixar para trás atavismos e indecisões, e juntar músculo, coração e cérebro à conhecida alma lusitana” Nuno Fernandes Thomaz, ECO online, 12/12/2020 “É tão evidente que isto (regulamento do leilão 5G) é discriminatório e que põe em causa objetivos e prioridades que a Europa hoje procura. Andamos em sentido contrário. Fizemos um regulamento de século XX no século XXI” Mário Vaz, Jornal de Negócios, 23/11/2020 “5G é tema que continua nas bocas do mundo económico – e não é pelos melhores motivos, já que a discussão está em torno da guerra entre os operadores e o regulador, a Anacom, por causa das regras do concurso (…) e não em torno das vantagens e das desvantagens” Pedro Lima, Expresso online, 20/11/2020 “Se a Anacom quer forçar mais concorrência entre os operadores, tem instrumentos para o fazer sem querer, ela própria, ser um jogador de mercado. Ou destruí-lo” António Costa, ECO online, 19/11/2020 Mil milhões de pessoas com acesso ao 5G no final de 2020 Apesar das incertezas causadas pela pandemia, o ritmo de introdução do 5G aumentou em 2020, tanto ao nível da rede como dos dispositivos. Estimativas do Mobility Report, da Ericsson, revelam que no final do ano passado cerca de mil milhões de pessoas tinham acesso a estas redes móveis de alta velocidade, registando-se um total de 220 milhões de subscrições (sendo 80% na China). Dentro de seis anos, serão 3,5 milhões os clientes do 5G, representando 50% do tráfego de dados móveis. O trabalho salienta que o 5G trará a implementação mais rápida de qualquer geração de conectividade móvel, uma vez que em 2026 quatro em cada dez subscrições de redes móveis serão de 5G e a cobertura será já de 60% da população global. O sucesso do 5G não se explica apenas pela cobertura ou pelas subscrições. O seu valor será determinado por novas aplicações e novos casos de utilização, que já começaram a emergir, como a introdução nas redes 5G do IoT essencial, destinado a aplicações urgentes que exigem um fornecimento de dados dentro de um determinado período, ou os jogos na cloud.• Estima-se que dentro de cinco anos os clientes do 5G ascendam aos 3,5 milhões, representando 50% do tráfego de dados móveis Ilustração pch.vector/freepik 10

A qualidade da Cloud Amazon mais próxima da sua empresa A NOS disponibiliza no seu Data Center o Outpost da Amazon Web Services. Este serviço inovador de edge computing potencia a adoção da cloud híbrida em cenários onde a baixa latência e a localização dos dados são essenciais. Conheça esta alavanca para a transformação digital das empresas em nos.pt/empresas.

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt