Views
1 year ago

COMUNICAÇÕES 225 - O Líder Mobilizador (2017)

  • Text
  • Redes
  • Projetos
  • Tecnologia
  • Forma
  • Ainda
  • Digitais
  • Portugal
  • Empresas
  • Apdc
  • Digital
APDC 225 - O Líder Mobilizador Dezembro 2017

a abrir tic & media 900

a abrir tic & media 900 mil milhões Foi a capitalização bolsista recorde, em dólares, alcançada pela Apple, depois de anunciar os resultados do seu 4º trimestre fiscal, que bateram todas as previsões. Cresceu nas suas três principais unidades de negócio - iPhone, iPad e Mac, e subiu receitas e lucros. “Este é o nosso melhor ano de sempre na generalidade dos mercados em todo o mundo”, avançou o seu CEO, Tim Cook. 533 mil milhões Valor em dólares que a chinesa Tencent alcançou em bolsa, transformando-se na primeira companhia asiática a alcançar semelhante capitalização bolsista. Ultrapassou mesmo a Facebook, avaliada em 519 mil milhões de dólares. A Tencent domina o mercado chinês, com 980 milhões de utilizadores (metade da população) na sua plataforma WeChat. Tem participações no Snapchat e Tesla. 130 mil milhões É quanto a Broadcom quer dar, em dólares, pela rival Qualcomm. A concretizar-se, será o maior takeover de sempre no mercado tecnológico, seguindo a tendência de acordos de consolidação na indústria de produção de chips. Com a fusão de ambas, surgirá o terceiro maior produtor de chips mundial, a seguir à Intel e à Samsung. 78% dos operadores fizeram testes 5G em 2017 Os operadores de telecomunicações estão a acelerar os preparativos para a introdução do 5G. Cerca de 78% já estão envolvidos em testes com a quinta geração móvel este ano, contra 32% em 2016. Para 2018, há 25% que garantem que vão implementar a tecnologia. Os planos para monetização do 5G envolvem a migração dos subscritores do 4G para o 5G e a expansão para segmentos de mercados ligados às empresas e à indústria, como mostra o relatório anual ‘5G Readiness 2017’, da Ericsson. Os inquiridos neste trabalho – 50 executivos de áreas de negócio e técnicas, entrevistados em agosto, que trabalham para 37 operadores que estão no 5G – antecipam que as receitas adicionais da nova geração vão surgir do crescimento da quota de mercado, da migração dos subscritores do 4G, do preço mais elevado dos novos serviços e da expansão para os novos segmentos das empresas e da indústria. Para isso, estão já a desenvolver estratégias de negócio e serviços para os segmentos de consumo, corporativo e industrial.• Tendências tecnológicas estratégicas para 2018 Inteligência artificial, realidade virtual e aumentada e tecnologias relacionadas com IoT serão grandes temas em destaque em 2018 e vão afetar a maioria das organizações, de acordo com o Simpósio do Gartner/ITxpo 2017. Estes temas estão na base das grandes tendências tecnológicas estratégicas para o próximo ano e terão um potencial disruptivo elevado ou uma evolução de crescimento acelerada. A tecnologia assente na rede da inteligência digital (AI) e na aprendizagem automática será vista como a fundação para o futuro dos negócios e ecossistemas digitais. A criação de um ambiente imersivo e digitalmente enriquecido ou a exploração das relações entre pessoas e empresas, dispositivos, conteúdos e serviços passará pela mistura entre os mundos digitais e físicos. Aplicações e analítica inteligentes, coisas inteligentes, gémeo digital, edge computing, plataformas de conversação, experiência imersiva e blockchain são algumas das tendências que a Gartner antecipa como as mais relevantes para o próximo ano.• C

sound bites Portugueses usam redes sociais para fazer compras Quase um em cada quatro utilizadores de redes sociais já fez compras diretamente numa destas plataformas. O Facebook é, porém, a que reúne a maioria dos compradores que se mostraram satisfeitos com a sua última experiência de compra, mostram dados do estudo “Os Portugueses e as Redes sociais”, da Marktest Consulting. O trabalho conclui que, para os portugueses, a presença das marcas nas redes sociais ajuda a ter um melhor conhecimento e uma comunicação mais rápida, influenciando as suas opções de compra. Nike, Continente e Adidas são as marcas com mais seguidores. A vontade de querer estar informado/ atualizado, o gostar da marca e o interesse pela área estão entre as razões mais apontadas para serem fãs das empresas, com mais de metade (54,3%) dos entrevistados com perfil criado em sites de redes sociais a seguirem empresas ou marcas. Os benefícios apontados pelos utilizadores de redes sociais passam pelo acesso à informação ou o conhecimento e acesso a promoções/ descontos, com mais de dois em cada três utilizadores de redes sociais a recordarem ter visto publicidade nas redes sociais. Nike, Super Bock e Meo foram as empresas referidas de forma espontânea. Este estudo é realizado desde 2011 e avalia hábitos dos utilizadores de redes sociais, os sites que conhecem e mais utilizam, as funcionalidades que mais valorizam, assim como a frequência com que acedem aos sites e com que publicam informação, bem como o tempo que lhes dedicam e os equipamentos que utilizam para aceder.• Fotos: iStock “Um dia, não sei quando, a PT vai ser integrada num grupo maior. Ou a Altice se transforma num grande grupo e absorve a PT, ou vai vendê-la e o comprador potencial é a Telefónica” Francisco Murteira Nabo, Público, 2017/11/20 “Em vez de comprar, vai vender ativos. Será o Meo um deles? Drahi diz que a convergência entre telecomunicações e media é para continuar. Também a compra da Media Capital o será? O mundo mudou para a Altice. Veremos se o novo voo, mais baixo, será suficiente para garantir uma aterragem suave” André Veríssimo, Jornal de Negócios, 2017/11/17 “O mundo já mudou. A uma velocidade que por vezes mete medo. E ignorá-lo é o mesmo que tentar parar o vento com as mãos”. Editorial, Expresso, 2017/11/11 C

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt