APDC - 30º DIGITAL BUSINESS CONGRESS

  • Pandemic
  • Online
  • Congress
  • Wwwapdcpt
  • Edition
  • Mundo
  • Lisbon
  • Empresas
  • Tecnologia
  • Futuro
  • Portugal
  • Digital
Lisbon & Online Edition For free registration, use this code: ONDEMANDFREE https://congresso.apdc.pt/registration After registration you will receive one e-mail with all accces an then you have to click https://live.apdc.pt/ to view all presentencions

30º

30º DIGITAL CONGRESS LISBON & ONLINE EDITION DIGITAL WITH PURPOSE Luís Neves, CEO do GeSI “Estamos num momento complexo. O mundo não está a andar na direção certa e temos que parar, refletir e ver o que tem que ser feito melhor. No GeSI temos estado a refletir sobre os passos que as empresas têm de tomar para corrigir o caminho e quais as melhores estratégias a adotar” “Há que perceber quais são os passos para alcançar os objetivos de desenvolvimento sustentável. Precisamos de investimento e de infraestruturas, para termos acesso a um mundo mais sustentável, e de policy makers para suportar esses acessos. De forma a que se use a tecnologia plenamente, porque ainda não estamos no nível que desejamos e que precisamos e o digital divide, é uma realidade” “As tecnologias digitais estão a criar desafios que temos de endereçar e dar os passos certos, num movimento que deve unir toda a indústria, investindo em mais inovação e mais tecnologia para as pessoas, contribuindo para um mundo melhor. Temos uma responsabilidade de fazer do mundo um melhor sítio” Jeffrey Sachs, director do Center for Sustainable Development da Columbia University “As tecnologias digitais podem fechar gaps e permitir às pessoas, nos sítios remotos, obter os serviços de que precisam. Esta pandemia mostrou que tudo precisa de ser mais inteligente e ambicioso. O que implica investir em três frentes: acesso digital; nova geração de energia e energia limpa; educação e competências” “Precisamos de ter líderes fortes e de resolver conflitos como o dos EUA e a China, que são inúteis e muito perigosos. Se destacarmos o que é o melhor para todos, teremos um maior sucesso em alcançar os objetivos” “Estamos muito abaixo da segurança climática. Dificilmente poderemos alcançar as metas de Paris, a não ser que haja uma dramática mudança nos próximos anos. Mas as metas são alcançáveis. Podemos fazê-lo. O poder das energias renováveis e o digital serão um enabler, mas precisamos de um mindset diferente. Com o compromisso de todos os países”

43 TECHNOLOGY MATERIALS SCIENCE & TECHNOLOGY THERE IS NO SUCH THING AS ARTIFICIAL INTELLIGENCE Elvira Fortunato, vice-reitora e diretora de Materiais da Universidade NOVA “A visibilidade ganha pelos cientistas é muito importante. Pôs a ciência mais em cima e a necessidade de investir nela. Nunca na História tinha acontecido desenvolver uma vacina num espaço tão curto e a pandemia mostrou que a ciência é a solução. Isso só foi possível porque se trabalhou em conjunto. Só assim se conseguem obter resultados face a problemas cada vez mais complexos. Os cientistas aprenderam muito com a pandemia e a trabalhar em rede” “A pandemia é um aviso. Aprendemos muitas coisas com ele e espero que a partir de agora passemos a ter um planeta mais sustentável. Abandonando opções mais poluentes e aproveitando a evolução da tecnologia. Há uma maior consciencialização para este problema” “As pessoas boas têm lugar onde são boas. Há quem queira ter experiência no exterior, mas também temos muitos estrangeiros cá. Porque os laboratórios não podem estagnar. Na ciência é muito importante ter redes e rotatividade de pessoas para evoluirmos” Luc Julia, especialista em interação Humano-Máquina “Se fizermos da inteligência artificial algo muito grande e dissermos as coisas que pode e não pode fazer, vamos dececionar as pessoas, o financiamento acaba e tudo desaparecerá. Foi o que já aconteceu nos anos 60, com os primeiros desenvolvimentos, porque as premissas criadas não se concretizaram” “As técnicas de IA que estamos a usar não se comparam com as técnicas que a nossa mente usa. Não existe inteligência nem empatia e tudo o demais que temos, enquanto humanos. A IA não tem a nossa visão holística. Somos mesmo bons, com uma inteligência contínua e infinita” “A inteligência artificial não existe como um todo. Existem pequenas inteligências, ferramentas que aumentam a nossa inteligência e que são apenas úteis em determinados processos específicos, onde podem ser até melhores do que nós. Mas são construídas por nós, com objetivos definidos. É isso que é a IA. Nós temos o controlo e decidimos o que fazer”

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt