Views
1 year ago

A Economia Digital em Portugal 2018

  • Text
  • Permite
  • Resultados
  • Plataforma
  • Desafios
  • Economia
  • Portugal
  • Forma
  • Digital
  • Dados
  • Tecnologia

a economia

a economia em portugal 2018 digital 1.3 Cloud | Edge 44 A computação na cloud impulsiona mudanças positivas no mercado, e é fator-chave na transformação das empresas de forma a endereçar clientes finais cada vez mais exigentes Tal incrementa a quantidade de dados gerados e “utilizáveis” pelas empresas. Resultados O mercado atual é extremamente competitivo para todos os setores. Felizmente, a cloud funciona como um equalizador, permitindo que as empresas acedam às mais recentes soluções de tecnologia e negócios. A computação na cloud impulsiona mudanças positivas no mercado sendo a componente-chave na transformação das empresas de forma a endereçar clientes finais cada vez mais exigentes e cada vez mais tecnológicos. Uma infraestrutura de cloud confiável, segura e complementada com managed services é a base necessária para as empresas terem capacidade para embarcar na era da digitalização de forma sustentável e para que as mesmas consigam gerir a grande de quantidade de dados que geram, convertendo-os em “dados inteligentes”, i.e. utilizáveis de forma simples para avaliação e melhoria de negócio. Os links com IoT são importantes, não apenas a partir de uma perspetiva de controlo e regulamentação de produção de fábrica, mas também para a etapa em que os produtos são distribuídos aos clientes finais e ligados à internet para diferentes finalidades como prestação de serviço, monitorização de serviço ou obtenção de estatísticas. Apenas um operador convergente consegue garantir: Capacidade massiva de processamento; Segurança end-to-end, particularmente critica no contexto IoT, e Garantia de continuidade de negócio em todas os layers (comunicações, IT, serviços). Coordenação/Autoria: Tiago Ribeiro e Vitor Silva, NOS NOS Soluções ICT, carrier grade, em modelos as-a-service Reinvenção da oferta de operador em modelos cloud based desafiOS A tecnologia tem transformado continuamente o modelo de negócio empresarial. Nos últimos anos o cenário de negócios mudou fundamentalmente devido à convergência de três fatores relevantes: O surgimento do modelo de cloud, que disponibiliza elevada capacidade computacional e de armazenamento para todo o tipo de organizações; A elevada quantidade de dados gerada e gerida pelas empresas; A comoditização da mobilidade de recursos humanos e tecnológicos; A convergência destes fatores, e a rápida transformação tecnológica, mudou o paradigma de necessidades dos clientes empresarias e conduziu à reinvenção das ofertas de operador baseadas em modelos cloud. Tecnologia Do ponto de vista tecnológico esta evolução do modelo de oferta assenta em alguns vetores essenciais: Ofertas tradicionais de TI baseadas nos data centers da NOS continuam a ser relevantes complementarmente às novas ofertas “digitais”; Ofertas baseadas em cloud disponibilizando às empresas ofertas baseadas na cloud do operador convergente ou de parceiros que enderecem necessidades como mobilidade, colaboração, analítica e segurança; Soluções empresariais que enderecem necessidades como as de comunicações unificadas, wi-fi, vídeo e IoT em modelo “as a service”; A disponibilização de um modelo

45 a economia digital de cloud de operador partilhado ou dedicado consoante as necessidades da empresa ou organização; Acesso à cloud pública para determinados tipos de empresas que precisam de ter acesso a capacidade localizada em vários países, que seja complementar à capacidade já disponibilizada pela cloud do seu operador convergente; Acesso a oferta de cloud híbrida para as empresas que tenham necessidades complementares de cloud; E o acesso a um portal agregador que permita às empresas terem uma visão unificada dos seus múltiplos recursos e terem acesso a uma experiência única de utilização e agilidade para adquirirem e gerirem recursos e efetuarem tarefas administrativas de forma autónoma. ResultadoS Cada vez mais as empresas pretendem que os seus service providers sejam o seu único ponto de contacto para endereçar todo o tipo de necessidades tecnológicas, com o suporte adequado e o nível de resposta exigido por um mercado altamente competitivo e com a capacidade de agregar a faturação num modelo flexível. Por exemplo, pode-se encontrar este tipo de abordagem no portfólio empresarial da NOS, em que a oferta de WiFiaaS permite a implementação rápida e a gestão eficiente de redes wi-fi, independentemente do número de locais ou de access points. O serviço não exige a instalação de servidores ou equipamentos adicionais em cada local para além dos access points e a empresa pode utiliza-lo numa modalidade “as a service”. Outro exemplo no mesmo operador, corresponde ao serviço de vídeo conference as a service, que permite a utilização de equipamentos de videoconferência multi-fabricante e a disponibilização de funcionalidades avançadas como a integração com equipamentos móveis, a gravação de sessões de vídeo e a marcação inteligente. Trata-se de um serviço “chave na mão” que não implica investimento inicial e oferece a disponibilização de upgrades automáticos inteiramente suportados em modelo “as a service”. Esta reinvenção da oferta de operador permite desta forma disponibilizar às empresas os benefícios da inovação tecnológica constante, mas também disponibilizar o que de melhor a tecnologia pode fazer pelo negócio: Ter uma visão holística da infraestrutura; Obter uma maior capacidade de resposta as exigências contínuas ou pontuais das empresas; Obter uma redução de custos de entrada (movimento de CAPEX para OPEX) e de TCO; Conseguir a simplificação do aprovisionamento dos serviços; E uma contribuição relevante para a transformação digital continua das empresas. Coordenação/Autoria: Tiago Ribeiro e Vitor Silva, NOS Vodafone Network PVR Novas funcionalidades no serviço de TV desafiOS Na área da televisão, o exemplo mais emblemático de transformação digital envolvendo tecnologias de cloud diz respeito à passagem da componente de gravações pessoais do serviço de TV, anteriormente suportadas na gravação local de conteúdos para a gravação remota desses mesmos conteúdos. A solução tecnológica assenta na dis- Cada vez mais as empresas pretendem que os seus service providers sejam o seu único ponto de contacto para endereçar todo o tipo de necessidades tecnológicas em portugal 2018 1.3 Cloud | Edge

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt