A Economia Digital em Portugal 2017

  • Sucesso
  • Cliente
  • Processo
  • Clientes
  • Forma
  • Economia
  • Processos
  • Projeto
  • Portugal
  • Digital

a economia

a economia em portugal 2017 digital 1.5 Energia 56 Parte do sucesso desta solução da Galp Energia deve-se ao seu desenvolvimento em modo interativo, recorrendo a serviços de cloud pública e a metodologias ágeis modo interativo, recorrendo a serviços de cloud pública e a metodologias ágeis. Com estas premissas base foi possível disponibilizar a plataforma ao público em menos de quatro meses, desde o momento da sua idealização. Com estas metodologias e desenvolvimento contínuo houve um cuidado extra para coordenar com processos menos ágeis, grande aproximação entre equipas de it e de negócio e disponibilidade e capacidade de resposta das várias equipas. Estas metodologias e tecnologias cloud permitem evoluções incrementais, essenciais para dotar de agilidade organizações de grande dimensão e naturalmente com complexidade de sistemas e processos. Por fim, apesar de ser uma solução que não suporta o core business, tem sido fundamental o alinhamento estratégico e envolvimento dos diversos stakeholders para o sucesso do projeto. Coordenação: Luis Chaby, Microsoft Galp Aplicação SGL (Sistema de Gestão Logística) Renovação, atualização e modernização da aplicação e infraestrutura que suporta a gestão logística da entrega de produto a clientes A área da distribuição secundária de combustíveis e GPL da Galp é responsável pela entrega destes produtos aos seus clientes e tem uma frota de cerca de 150 viaturas que se abastecem em seis parques logísticos distribuídos pelo país. Este projeto tinha como objetivo modernizar e adicionar novas funcionalidades à anterior solução, de forma a alinhar com os objetivos e requisitos da gestão logística na distribuição secundária de combustíveis, entre eles permitir simplificar e agilizar o processo logístico de entregas e garantir os aspectos legais e fiscais. Objetivos Os objetivos definidos foram: Evolução de uma solução tecnologicamente ultrapassada e operacionalmente limitada de modo a garantir o suporte, em tempo real, dos processos de gestão logística na distribuição secundária de combustíveis e GPL; Adicionar funcionalidades de valor acrescentado para o negócio, como a comunicação via 3G entre os terminais móveis dos motoristas e os sistemas centrais; Garantir uma solução on-board alinhada com as regras de segurança da atividade logística de combustíveis e gás; Aumentar o nível de fiabilidade na integração entre as diversas componentes do sistema; Assegurar uma solução certificada pela Autoridade Tributária para emissão de documentos de transporte e de faturação, e com integração via SAFT -PT para a documentação emitida. Resultados Com esta solução a Galp obteve: Fiabilidade absoluta nos processos de integração entre os vários sistemas; O negócio ficou dotado de uma plataforma de monitorização que lhe garante autonomia no controlo dos processos; Integração em tempo real dos dados das entregas e da faturação local nos sistemas centrais, através de processos de comunicação online, eliminando a necessidade de retorno do motorista ao parque; Otimização na gestão de recursos

57 a economia digital com a eficiência conseguida na preparação dos 250 a 300 fretes/dia através desta solução; Otimização do stock de produto em regime de venda em consignação e consequente redução do capital empregue; Maior controlo dos custos dos transportistas, através de um maior controlo das rotas executadas e cobradas pelas empresas de distribuição; Melhor serviço ao cliente, informando-o do período/hora estimada de entrega, através da comunicação do Estimated Time of Arrival (eta), com a possibilidade de recálculo do eta pelo motorista. Métricas Indicadores relevantes na implementação da nova solução: Instalações de carga: 6 (incluindo 2 refinarias); Terminais móveis: 150; Viaturas equipadas: 130 (aproximadamente); Motoristas: 220 (aproximadamente); Número de fretes/dia: 250 a 300; Número de entregas/dia: 300 GPL + 500 Combustíveis. Ensinamentos e Fatores Críticos de Sucesso A implementação de soluções centradas no utilizador e nos objetivos do negócio permite, não só uma muito fácil utilização e adoção por todos os intervenientes (um exemplo foi a rapidez da sua adoção por parte dos motoristas), como também permite retirar da mesma os objetivos para a qual foi construída, tendo os resultados acima enumerados sido rapidamente atingidos. REN Jornada de Transformação Digitalização de processos O processo de digitalização global na REN começou há cerca de cinco anos. Tem sido um processo faseado, que se iniciou na gestão documental e plataformas de colaboração e abrangeu de seguida as principais áreas de suporte da REN: compras, contabilidade, RH, planeamento e controlo e comunicação. Neste percurso, a grande maioria de processos de suporte da empresa foi digitalizada e implementada de uma forma integrada entre todas as plataformas de maneira a dar continuidade aos processos quando transitam entre áreas. A segunda fase está agora focada nas áreas core da empresa, tendo-se iniciado pela operação e manutenção das redes de transporte de energia. Objetivos Transformar áreas com muita intervenção humana e informação não estruturada em informação relacional, estruturada e digital, de forma a evitar erros e ser mais eficiente. Permitir a participação nos processos em qualquer lugar, bastando ter uma ligação à internet. Diminuir o uso de papel nos diversos processos. Aumentar o conhecimento interno sobre os processos. Ser possível, numa fase mais avançada, obter a informação necessária para poder começar a ter uma análise preditiva em determinados processos. Com um processo faseado de digitalização global, a REN está agora focada em transformar áreas com muita intervenção humana, diminuindo o uso de papel e aumentando o conhecimento interno sobre os processos em portugal 2017 1.5 Energia Coordenação: Vitor Marques, DXC Resultados Cada projeto obteve resultados próprios – vide caso seguinte.

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt