63 - Secção Healthy & Sustanable Cities

  • Wwwapdcpt
  • Nornal
  • Todas
  • Forma
  • Ainda
  • Dados
  • Desafios
  • Resposta
  • Tecnologia
  • Pandemia
  • Futuro
  • Cidades
Novo Normal nas Cidades do Futuro

SECÇÃO HEALTHY &

SECÇÃO HEALTHY & SUSTAINABLE CITIES - NOVO NORMAL NAS CIDADES DO FUTURO Miguel Pinto Luz Vice-Presidente, Câmara Municipal de Cascais “A tecnologia foi fundamental para responder aos desafios da pandemia e nos planos sanitário, de economia e social. Não tem que ser um driver, o motor, mas um facilitador para as políticas públicas. É isso que nós entendemos” “De facto, estamos a viver uma guerra contra a pandemia. Mas temos a vantagem de as infraestruturas não terem sido destruídas. Os territórios estão intactos. Hoje, estamos todos preparados, como comunidade e como país, privados e setor público, para logo que seja possível abrir de novo a economia e a sociedade, possamos voltar de novo a crescer” “A sustentabilidade tem que ser sempre vista em três pilares: económico, social e ambiental. Em todos usamos a tecnologia de uma forma muito eficaz. Se, de uma forma geral, o município tiver uma visão sustentável do seu futuro, a tecnologia tem que ser colocada ao serviço dessa visão estratégica e não o contrário” Pedro Cepeda Vereador do Planeamento e Desenvolvimento, Câmara Municipal de Penafiel “2020 foi um ano de mudança e de transformação, com foco no combate à pandemia e na contenção na propagação do vírus. Citando a cientista Elvira Fortunato, ‘cooperação e partilha são a chave para o futuro’. Ambas são cada vez mais fundamentais” “Terá de haver um reforço da tomada de decisão política com base em dados, em ciência e em factos, de forma a capacitar os decisores para a gestão do dia-a-dia e a apoiar o planeamento e o desenvolvimento estratégico do futuro e para as novas realidades” “Transparência, prestação de contas e disponibilização de informação pública são críticas para as autarquias. Temos de conseguir ter um país mais solidário, coeso e cooperante. Onde os poderes públicos, privados e academias trabalhem cada vez mais em conjunto”

5 Para conseguir ter cidades mais proativas e inteligentes será necessário aproveitar todo o potencial das tecnologias emergentes. Dados, IA, IoT e 5G serão pilares. numa comunidade, de braços dados, e temos de dar respostas solidárias, porque só essas fazem sentido”. PREPARAR A RECUPERAÇÃO ACELERADA O gestor acredita que “estamos a viver uma guerra contra a pandemia”, mas as infraestruturas não foram destruídas e os territórios estão intactos. Pelo que “hoje, estamos todos preparados, como comunidade e como país, privados e setor público, para logo que seja possível abrir de novo a economia e a sociedade, possamos voltar de novo a crescer”. E está convicto de que o crescimento será muito acentuado, embora ainda se tenha de esperar uns largos meses até que isso aconteça. Também na Câmara Municipal de Penafiel os desafios da pandemia se sentiram fortemente. Pedro Cepeda, Vereador do Planeamento e Desenvolvimento Económico, outro dos keynote speakers do evento, citando a conhecida cientista Elvira Fortunato, começa por destacar que “cooperação e partilha são a chave para o futuro”. É que ambas são cada vez mais fundamentais, porque “se o mundo já estava em mudança acelerada, principalmente em termos económicos, a pandemia veio acelerar o processo de transformação”. O autarca divide a pandemia em 3 fases distin-

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt