Views
1 year ago

50 - Webinar APDC | BCSD Portugal - TECH4GOOD

  • Text
  • Webinar
  • Carbono
  • Microsoft
  • Impacto
  • Ambiente
  • Acelerar
  • Mundo
  • Portugal
  • Sustentabilidade
  • Tecnologia
junho 2020

Webinar

Webinar APDC | BCSD Portugal - TECH4GOOD Aproveitar a pandemia para mudar o mundo A sustentabilidade é hoje um tema core na estratégia das tecnológicas e define a forma se posicionam no mercado. Conscientes do enorme potencial da tecnologia na garantia de um futuro melhor e amigo do ambiente, estão a inovar em todas as frentes para dar resposta aos desafios do planeta e desenvolver a sua operação. Os vários desafios da sustentabilidade impõem um verdadeiro salto tecnológico que potencie a transição para um mundo mais amigo do ambiente. A pandemia da COVID- 19 veio acentuar ainda mais essa necessidade, depois do confinamento social ter obrigado quase todas as pessoas a ficar em casa e a passar a usar massivamente o digital, o que levou a uma recuperação ambiental do planeta sem precedentes. Neste webinar APDC, em parceria com o BSCD Portugal, que decorreu no Dia Mundial do Ambiente, a 5 de junho, ficou claro que neste momento crucial de desconfinamento, as empresas precisam de acelerar e trabalhar em colaboração, para chegar mais depressa aos objetivos definidos. “Todos temos de concordar que temos um desa- fio no planeta”, no que se assume como uma verdadeira responsabilidade, tanto para as pessoas como para todas as empresas, independentemente da sua dimensão. No caso das tecnológicas, representa em paralelo uma oportunidade, porque a tecnologia tem o poder de acelerar o impacto das medidas de sustentabilidade e ajudar a construir um futuro mais sustentável e um melhor ambiente, defende o COO da Microsoft Portugal, Andrea Rubei. Na Microsoft, o objetivo é colocar a tecnologia a servir o planeta, usando o seu poder para ajudar todos em todo o lado a construir um futuro mais sustentável. Mas será a sustentabilidade melhor para os negócios? É possível garantir o crescimento económico e reduzir em paralelo as emissões de carbono? Andre Rubei não tem

3 dúvidas que sim. Olhando apenas para as oportunidades de poupanças nos Estados Unidos, com investimentos na inovação tecnológica, serão de 60 mil milhões de dólares na energia e de 12 mil milhões na agricultura, exemplifica. No total da economia, os benefícios dos investimentos em tecnologia com impacto na economia serão de 26 biliões. “Há muitas oportunidades para as empresas” neste tipo de investimentos, garante. A gigante tecnológica está a investir na construção de uma plataforma líder para soluções tecnológicas que respondam aos desafios do ambiente. Focando-se em 4 pilares - pegada de carbono, água, ecossistemas e desperdício (economia circular) – e trabalhando com a realização de parcerias ao nível global para trazer as novas tecnologias aos clientes. Trata-se de um exemplo que mostra que a sustentabilidade melhora os negócios, já que a adoção de soluções tecnológicas permite grandes poupanças e benefícios económicos em todos os setores, enquanto garante o futuro dos recursos do planeta, cada vez mais escassos. A gigante comprometeu-se ainda no início deste ano com metas ambiciosas ao nível mundial: em 2030 quer ser carbono negativa e em 2050 quer tirar do ambiente todo o carbono que emitiu diretamente desde que foi fundada. Está ainda a trabalhar com toda a cadeia de valor e de fornecimento no mesmo sentido e criou um fundo de inovação para o clima, no valor de mil milhões de dólares, para acelerar o desenvolvimento global de tecnologias de redução, cap-

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt