Views
1 year ago

48 - Ciclo de Conversas Digitais | Covid-19 Digital Reply

  • Text
  • Ajudar
  • Reply
  • Dados
  • Projeto
  • Conversas
  • Ciclo
  • Forma
  • Pandemia
  • Digitais
  • Digital
abril/maio 2020

Ciclo

Ciclo de Conversas Digitais – COVID-19 Digital Reply Projetos na Saúde Iniciativas tecnológicas diferenciadoras A COVID-19 veio acentuar o espírito empreendedor e inovador nacional. Desde março, estão a multiplicar-se as redes de colaboração, entreajuda e solidariedade para criar iniciativas assentes na tecnologia que mitiguem os impactos do coronavírus. Com destaque para a saúde. “+Próximo”, “PSICOVIDA” e “Todos por Um” são exemplos de projetos que já estão a ser implementados, juntando múltiplas competências e muitas vontades com um único objetivo: criar iniciativas que possam contribuir para ajudar quem precisa. Estiveram em análise no 1º encontro do Ciclo de Conversas Digitais “COVID-19 Digital Reply”, que se realizou a 29 de abril. A app “+Próximo” reúne os critérios necessários ao pré-despiste e acompanhamento da evolução da COVID-19 nos utentes de lares e residências, com base nas indicações clínicas fornecidas pelo Serviço de Especialidades Médicas e Direção Clínica do Hospital do Espírito Santo de Évora, facilitando o trabalho de profissionais e cuidadores. Surgiu da iniciativa de Nuno Miguel Guerra, CEO da CREATE, com o objetivo de contribuir para ajudar a região de Évora e teve de imediato o apoio das entidades locais. Pouco tempo depois, passou a integrar-se no ecossistema Outsystems, tendo agora como meta chegar a todos os lares e residências em todo o país. O seu mentor e gestor destaca, neste âmbito, a “enorme disponibilidade que tem sentido para avançar com o projeto por parte das instituições de saúde e da segurança social”. Do ponto de vista dos lares, a solução é vista como muito importante, uma vez que permite facilitar o trabalho dos profissionais das residências de idosos e das pessoas com deficiência, como refere Manuel Galante, Presidente do Secretariado Regional de Évora da União das Misericórdias. “Temos que nos envolver em tudo o que sejam

3 ferramentas para facilitar o controlo da saúde e garantir o bem-estar dos utentes”, adianta o mesmo responsável, explicando que foram doados à instituição vários tablets para instalar a app e avançar no terreno com a implementação do projeto, que ajuda não só nesta fase de pandemia como a todos os níveis no que respeita a cuidar de quem precisa. Também Luís Cavaco, administrador do Hospital de Évora, destaca que a aplicação veio resolver um problema que é grande e se regista ao nível nacional: o dos lares, onde ter um ambiente que garante previsibilidade é verdadeiramente essencial. E o projeto faz para todo o sentido, não apenas no âmbito da pandemia, como posteriormente, já que permite às equipas médicas e aos profissionais de saúde monitorizar os utentes dos lares, dando ao hospital ferramentas para acompanhar à distância pacientes com problemas de saúde em tempo real, citando por exemplo os que sofrem de problemas respiratórios. DO APOIO PSICOLÓGICO À MONITORIZAÇÃO No caso da “PSICOVIDA”, esta aplicação destina-se a proporcionar o apoio psicológico necessário neste cenário de pandemia e de isolamento, disponibilizando uma rede de profissionais ou de estudantes universitários na área de psicologia. Técio Gonçalves, da Outsystems, em conjunto com um colega de faculdade da Universidade do Minho, tiveram a ideia de criar uma iniciativa que permitisse ajudar as pessoas, recorrendo às ferramentas digitais. Para poderem avançar, fizeram uma parceria com a Associação de Psicologia - Universidade do Minho

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt