Views
1 year ago

46 - 29º Digital Business Congress | The Future of Business

  • Text
  • Novas
  • Congresso
  • Realidade
  • Mundo
  • Empresas
  • Grande
  • Ainda
  • Tecnologia
  • Forma
  • Digital
20, 21 Novembro | CCB

29º

29º Digital Business Congress THE FUTURE OF MANUFACTURING “Para dar uma nova experiência ao consumidor, há que saber criar um novo modelo de negócio, mudar o paradigma e posicionar-se na cadeia de valor. Só assim se sobrevive neste mercado competitivo. Há vários exemplos de companhias a mudarem para o negócio do século XXI nas mais variadas áreas, com mudanças radicais e estratégicas e ecossistemas de parceiros” Laurent Deloire Managing Partner in charge of Industry Consulting for the Europe South region, DXC Technology “As empresas estão a ser obrigadas a mudar e este é o desafio do manufacturing. Terão de endereçar os consumidores e as pressões económicas do mercado. A digitalização dos produtos é um game changer na cadeia de valor e todas as organizações terão de se reinventar. Para tirar todo o valor da tecnologia há que pensar de forma diferente” “O segredo do futuro do manufacturing envolverá a internet de tudo, as operações digitais, mais inteligência artificial, mobilidade e uma experiência do utilizador seamless. Porque hoje tudo é conectável com o 5G, a IoT ou a cloud. Ter operações digitais ágeis é essencial, usando os dados em continuidade, para criar produtos, reforçar a operação e a eficiência e oferecer novos serviços”

13 CLIENT STORIES Navigator: O papel da tecnologia na indústria do papel EPAL: A água que renova as nossas vidas Adriano Serrano CIO, com André Rodrigues Manager Systems Engineer, Cisco “As nossas fábricas têm intensidade tecnológica muito grande e são muito integradas. Temos dezenas de milhares de sensores, com sistemas totalmente integrados e ligados em tempo real. O que levanta enormes desafios no tratamento de dados para otimizar toda a operação e não apenas a produção”. “Dentro dos projetos digitais, estamos muito centrados na produção, mas estamos a olhar para outras áreas, como a gestão de clientes e fornecedores. Porque gerir a gestão e a relação com os fornecedores é muito complexo, dado que temos muitos de pequena dimensão. Acabámos por alargar o nosso espetro e fazer uma digitalização total dos processos” “O tema da sustentabilidade é um grande compromisso da companhia, com um plano de ação e objetivos concretos. Reaproveitamos o produto florestal e investimos em centrais termoelétricas, sendo a produção de energia já um negócio relevante. O objetivo é em 2035 atingirmos a neutralidade carbónica” Sérgio Trindade Diretor de Sistemas de Informação, com Carlos Leite, Diretor Geral, HPE “O projeto ‘outra cloud’, desenvolvido com a HPE, tem a ambição de acabar com os sistemas legacy e dispersos. O que implicou construir um novo datacenter para concentrar tudo. Queríamos ainda oferecer soluções diferentes para os clientes finais e criar parcerias, para fazer com que tudo funcione” “Hoje, temos um modelo híbrido de cloud que nos permite dar resposta ao mercado. São alavancas para assegurar que o que o negócio nos pede é assegurado e estamos a abrir o modelo para o resto dos stakeholders. Garantimos mais transparência e confiança para os consumidores e um aumento de qualidade da decisão da EPAL” “É essencial termos um parceiro e não um fornecedor, que se envolva e nos entenda. Que saiba localmente trabalhar a necessidade do cliente e fazer parte da equipa, que conheça as soluções e que saiba trazê-las para o mundo do nosso negócio. Continuando a acrescentar valor”

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt