Views
1 year ago

30 - APDC Digital Business Movies | The Post

  • Text
  • Apdc
  • Liberdade
  • Tudo
  • Marques
  • Papel
  • Digital
  • Casos
  • Grande
  • Caso
  • Jornalismo
24 jan 2018 | Cinema NOS Amoreiras

APDC

APDC Digital Business Movies co-produced by NOS Gonçalo Reis Presidente, RTP “Uma coisa é não mandar no conteúdo, outra é fixar o tom, lançar as prioridades, definir o posicionamento, dar orientações. Entre dar o espaço às equipas editoriais e ser totalmente neutro há caminhos e opções” “Vivemos num contexto em que qualquer um de nós pode ser um produtor de media. As pessoas têm uma escolha brutal e as redes sociais estão aí. Pode-se questionar o porquê dos media” “É exatamente nas alturas em que temos um espetro muito alargado de informação que mais precisamos de instituições conhecidas e marcas sólidas, que fazem o trabalho de mostrar a realidade” “Vale a pena afirmar as marcas de jornalismo e media de qualidade que interessam” Luís Marques Mendes Advogado e Político “A liberdade de expressão é um valor essencial, porque a democracia e cidadania implicam escrutínio das decisões do poder” “O jornalismo de investigação é hoje cada vez mais importante. Mas precisa de meios e cada vez há menos. Isto pode ser uma perda grave para a cidadania” “Nos últimos anos, é fácil de ver a diferença entre governos que, de um modo geral, respeitaram a liberdade de informação, e governos que, pelo contrário, fizeram tudo para a limitar. Isto não tem muito a ver com partidos, mas com a formação das pessoas” “O princípio é o do interesse público, sobretudo quando há conflitos. Tem que haver uma grande ponderação de valores, com sentido de responsabilidade. Cada caso é um caso e a evolução e consciência crítica da sociedade são decisivas”

5 O jornalismo de investigação, apesar de atravessar grandes dificuldades, foi considerado essencial para a democracia, sobretudo numa perspetiva escrutinadora e fiscalizadora de poderes, a começar pelo político topo dos grupos de media se projetarem como líderes e se afirmarem, assim como à marca de media, defende o presidente da RTP. Embora não tenham uma intervenção direta no processo noticioso e nas decisões que são tomadas todos os dias, os gestores têm um relevante papel a desempenhar: escolher a equipa certa, investir no jornalismo de qualidade e posicionar o órgão de comunicação social. No fundo, trata-se de “fixar um tom, lançar as prioridades, definir o posicionamento e dar orientações. Entre dar o espaço às equipas editoriais e ser totalmente neutro há caminhos e opções”, destaca Gonçalo Reis. Na perspetiva de um comentador e ex-governante, há várias lições que se podem tirar do caso abordado no “The Post”. Como a importância nas sociedades democráticas do valor da liberdade de expressão, “um valor essencial, porque a democracia e cidadania implicam escrutínio das decisões do poder”, diz Marques Mendes. Ou ainda a relevância do jornalismo de investigação, que atravessa hoje grandes dificuldades, mas que é “essencialíssimo”, sobretudo numa perspetiva escrutinadora e fiscalizadora de poderes, a começar pelo político. Para este responsável, o desaparecimento deste tipo de jornalismo poderá mesmo representar “uma perda grave para a cidadania”. Do filme resulta ainda, na sua perspetiva, uma

REVISTA COMUNICAÇÕES

UPDATE

© APDC. Todos os direitos reservados. Contactos - Tel: 213 129 670 | Email: geral@apdc.pt